#CorujasCriativas, especial mês das mulheres - 7: Marina Woitexem


Por Elizandro Duarte

-


O sucesso profissional e financeiro é uma meta de muitos empreendedores. Porém, além disso, trabalhar com um propósito, colocando em práticas as ideias e contribuindo para uma sociedade melhor se consolida cada vez como um dos principais desejos de quem abre um novo negócio. É através da união dessas duas vertentes que Marina Woitexem atua na área de consultoria jurídica. Confira a entrevista exclusiva que Marina deu para a Sabedorama.


Qual a sua área de atuação?

Atuo na área jurídica, prestando assessoria e consultoria no segmento empresarial, com ênfase na área de consumo e de prestadores de serviços.


Quando e de que forma o desejo empreendedor entrou na sua vida?

Desde muito nova percebi que possuía um espírito empreendedor, sempre foi algo nato em mim.


Em sua opinião o que significa “ser empreendedora”?

É trabalhar com propósito, colocando ideias em prática, por mais trabalhosas e difíceis que elas sejam. É organizar e inovar no modo de pensar e agir, tomando iniciativas de criar, lançar, vender ou renovar produtos, serviços, marcas, equipes, negócios e empresas. É ser determinado ao aprendizado constante e auto responsável pelo seu destino e sucesso. Basicamente, é ser aquele que busca transformar sonhos em realidade.


Qual a importância do conhecimento para quem deseja empreender?

É essencial! Pois é necessário colocar em prática o conhecido e estar disposto a aprender o

novo, atualizando-se constantemente para enxergar novas oportunidades e aprimorar as

ideias antigas.


Você recomenda para os empreendedores a realização de cursos de capacitação e aperfeiçoamento?

Recomendo sempre, visto que esta é uma sábia forma de melhorarmos nossa gestão, produtos e serviços e de nos capacitarmos para desenvolvermos melhor nossas atividades e com isso, atingirmos melhores resultados, com riscos reduzidos e benefícios potencializados. Inclusive sugiro que os empreendedores tenham a visão destes como investimento e não despesa.


Qual o conselho que você pode dar para uma empreendedora que deseja abrir um negócio no mesmo segmento que você atua?

Não desista! As adversidades são muitas, as atualizações constantes e necessárias, de fato, não existe uma zona de conforto, mas os frutos do esforço recompensam todo o investimento, não apenas o físico e material, mas também preenchem a alma. Não tem valor a satisfação ao ver um novo negócio crescer sólido e ao ajudar empresas e empreendedores a evitarem passivos e prejuízos e com isso, se desenvolverem de forma saudável e sustentável.